terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

[Trilha Sonora] A Soma de Todos os Beijos (Julia Quinn)


E ai, prontos para mais uma postagem sobre a trilha sonora do Quarteto Smythe-Smith? Dessa vez, vamos conhecer a trilha sonora escolhida pela autora para o terceiro livro da série.

Lorde Hugh Prentice é um gênio da matemática e teve sua perna (e sua vida) arruinada por causa de um duelo com seu amigo, Daniel Smythe-Smith.
Nesse livro, conheceremos um pouco da história de Hugh, antes e depois do acontecido. Sua família, o desespero de seu pai para conseguir que um de seus filhos lhe desse um herdeiro, visto que um não é chegado à mulheres e o outro, provavelmente terá dificuldades em encontrar uma esposa, e principalmente em ter filhos.
E, claro, sua relação de amor e ódio com Sarah Pleinsworth, prima mais velha de Daniel, que mesmo antes de conhecê-lo, já odiava Hugh por ter arruinado sua família através desse duelo.
Mas, as coisas começam a mudar quando Honoria, sua prima, pede para Hugh substituir seu padrinho no casamento e para Sarah ser sua acompanhante durante sua estadia, para que ele ficasse mais confortável diante dos familiares de Daniel. E esse tempo se prolonga, já que Daniel se casará duas semanas depois da irmã e resolve torná-los uma única festa...
É claro que eles não se dão no início, mas com o tempo, ainda mais depois do primeiro casamento, quando ela fica impossibilitada de andar, eles deixam as diferenças de lado e começam a se conhecer realmente, e, o que era ódio, acaba se tornando uma paixão avassaladora.
Mas as limitações de Hugh vão ser apenas um dos problemas que o casal enfrentará pelo caminho...

As Músicas


“Lovecats" e "Let's Go to Bed" do The Cure
Motivo: Depois que os dois primeiros livros da série receberam nomes de músicas do The Cure, alguém no twitter disse que se o próximo livro não se chamasse Lovecats ou Let's Go to Bed, a pessoa teria um chilique. Naturalmente a autora incluiu as músicas na trilha Sonora.

"The Cave" by Mumford and Sons
Motivo: A autora ama essa música. A melodia é melancólica, mas mesmo assim esperançosa, e a letra sempre a lembra de Hugh, com corpo e espirito quebrados, esperando se curar, mas sem saber ao certo como fazer isso.

"Einstein on the Beach" by Counting Crows
Motivo: Hugh é um autentico gênio, pareceu apropriado incluir Einstein na lista.

"Mr. Brightside" by The Killers

Motivo: Segundo a autora, esse foi um livro muito dificil de escrever, e quanto mais perto do prazo final, a autora se encontrou escondida em um quarto de hotel em Vegas, desesperada para terminar o livro. (Porque Vegas? Segundo a autora, por causa dos quartos baratos e um Starbucks 24 horas). A batida da música é tão frenética e torturada que combinou perfeitamente com o humor da autora, ela tocava todas as vezes que precisava de um empurrãozinho.

Um comentário:

  1. Pat, adorei essas suas postagens sobre as trilhas sonoras e de tanto ler sobre essa série, resolvi comprar um box para mim!!! Rs...
    Agora é esperar o dia 09 para ir lá rever a autora!!! Rs...
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir


Se Chegou até aqui que tal comentar?!


Sua opinião é importante, assim sei o que está achando. Além disso, comentários são bem vindos, mas seja educado ;)

- AVISO: O blog NÃO disponibiliza livros para download, e NÃO permite comentários que contenham links para essa finalidade.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...