sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

RESENHA - Amante Sombrio (J.R. Ward)

Amante Sombrio, primeiro volume da série Irmandade da Adaga Negra (publicado pela Universo dos Livros, conta a história de Wrath, o líder da irmandade e herdeiro ao trono que se recusa a assumir tal poder.

A historia começa com Darius (D.) pedindo que Wrath ajude sua filha Beth a passar pela transição, transição essa que só ocorre com quem já tem uma pré disposição genética para tal, isso porque os vampiros de J.R. Ward não são transformados por uma mordida como nas demais historias, mas sim por causa de uma herança genética. Pois bem, D. pede que Wrath ajude Beth caso ela passe pela transição (ela é mestiça e há a possibilidade de que nada aconteça e ela continue humana), ele se nega e vai embora. Pouco depois D. morre, Wrath reúne a irmandade e começa busca pelos redutores culpados pelo seu assassinato.

Wrath tinha muito respeito por D. e talvez apenas por isso é que se disponha a encontrar Beth e explicar o que está prestes a lhe acontecer, porém o primeiro contato deles não sai lá aquelas coisa (também a coitada havia acabado de passar por determinada situação e a forma como Wrath aparece não ajuda muito):

"As passadas do homem atrás dela ressoavam como trovões, cada vez mais próximas. Encolhida como um animal, cega pelo medo, chocou-se contra a mesa do corredor e não sentiu dor alguma.
As lagrimas começaram a escorrer por sua face enquanto implorava piedade tentando chegar à porta..." (p. 54)


Porém, Wrath é um guerreiro determinado que tenta uma segunda vez, ai as coisas mudam de perspectiva e saem completamente contrarias à primeira tentativa:

"Como ele era colossal! Seu apartamento, que já lhe parecia tão pequeno, com a presença daquele gigante ficou parecendo uma caixa de fósforos. E seu traje de couro negro fazia com que aparentasse ser ainda maior do que era. Devia medir um metro e noventa e oito, dois metros.
Espere um instante.
O que estava fazendo? Tomando as medidas para lhe fazer um terno? Devia estar correndo feito uma louca, tentando alcançar a outra porta" (p.79).

A partir dessa visita Beth se vê imersa em um novo mundo onde vampiros existem e estão em guerra com os redutores, seres que já foram humanos, mas que por se aliarem ao Ômega agora caçam os vampiros.

O livro foi muito bem escrito pela Ward, e é uma história gostosa de se ler (o que empolga para ler o resto da série), além disso por se tratar do primeiro livro de uma série que ainda não acabou, a autora consegue introduzir bem os personagens falando um pouco sobre cada um do membros da irmandade e explicando um pouco sobre o mundo que criou, por exemplo, que os vampiros só se alimentam de outro vampiro do sexo oposto, comem alimentos normais, NÃO saem ao sol, e são extremamente possessivos com suas parceiras. Em alguns pontos à história pode ser um pouco chata, mas nada que atrapalhe a leitura ou desanime em continuar.

A tradução feita pela Universo dos livros, foi bem feita, mas é estranho ver esses guerreiros de quase dois metros, que se vestem de couro e lutam contra seus inimigos falando Caramba, caraca, ou filho da mãe ao invés dos palavrões que se esperaria nas conversas, mas isso já foi explicado pela editora na época dos lançamentos, e tinha algo relacionado com censura (não foi bem essa a palavra usada, mas não me recordo qual foi).

A capa ficou muito bonita e bem feita e manteve a cor da capa original (vermelha). A única coisa que ficou um pouco ruim foi que em alguns trechos o foco da historia muda de um personagem para o outro, porém na impressão alguns desses trechos ficaram juntos como se fossem uma continuação. Isso não acontece muitas vezes, mas como tenho costume de ler a noite e em algumas vezes quando estou com muito sono acaba atrapalhando um pouco.

Nota: 5/5.

Livro: Amante Sombrio
Autora: J.R. Ward
Editora: Universo dos livros
ISBN: 978857930082-0
Formato: 15.7x23 cm
Páginas: 448


Não perca amanhã em breve a resenha de AMANTE ETERNO.

2 comentários:

  1. Carambaa essa série me persegue,vejo livros dela em toda parte,mas nunca parei pra ver do que se trata.
    Gostei muito da sua resenha,me interessei pela estoria,por incrível que pareça,eu já estava cansada do tema vampiros,já estava beeem abatido,mas essa parece ser boa ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o tema realmente está meio batido, mas a autora consegue surpreender viu, vale a pena

      Excluir


Se Chegou até aqui que tal comentar?!


Sua opinião é importante, assim sei o que está achando. Além disso, comentários são bem vindos, mas seja educado ;)

- AVISO: O blog NÃO disponibiliza livros para download, e NÃO permite comentários que contenham links para essa finalidade.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...