segunda-feira, 16 de abril de 2012

RESENHA – Lover Mine(J.R. Ward)


Oitavo volume da série “Irmandade da Adaga Negra”, para conhece os demais volumes da série clique AQUI.

John Matthew já percorreu um longo caminho desde que foi encontrado vivendo entre os humanos, quando sua natureza vampírica ainda era desconhecida. Recolhido pela Irmandade, ninguém poderia adivinhar qual a sua verdadeira história ou a sua real identidade: uma encarnação de Darius. E John terá de recorrer a essa personalidade em uma luta sem precedentes para saciar sua sede de vingança.
A bela Xhex tem lutado a todo custo contra a atração que sente por John, pois já viu a loucura consumir o amor uma vez, quando um macho se deparou com a escuridão de sua vida dupla. Mas o destino provará aos dois que o amor é inevitável para as almas gêmeas.

SPOILERS

Obs.: Não gostei do resultado da resenha, pretendo ler o livro na versão em português e resenhá-lo novamente.


Onde passado e presente se misturam sem que se perceba, é essa a história do livro.

De toda a série da Irmandade essa foi a resenha mais difícil de escrever, fiquei mais de um mês pensando no que colocar aqui, e nada saia com exceção da primeira frase da resenha, nesse tempo todo, li e fiz a resenha dos dois livros que dão continuidade a série, e em breve elas estarão disponíveis.

Não sei se esse bloqueio veio ou não por não ter gostado do livro, ele assim como Amante Consagrado são para mim, os dois livros até o momento mais fracos, e não me convenceram, nesse caso o casal John e Xhex (descobri esses dias que se pronuncia Rex, que nem o cachorro) não me convenceu.

Como eu disse ai em cima, essa resenha tem Spoilers, então vamos a eles, John é Darius reencarnado, e como acompanhamos a jornada de Darius como John desde o começo, nada mais justo do que saber um pouco sobre o passado antes de sua morte, são nessas partes que sabemos como Tohr e Darius se conheceram, e como Darius e Xhex tiveram seu “primeiro encontro”, e também o porquê dele ter um importante papel no passado dela, mesmo que ela mesma não saiba disso.

O fato é que, a única explicação, pra mim, de ambos formarem um casal esta no passado deles, e não no presente.

O livro começa um pouco depois do ponto em que o anterior termina, Xhex continua desaparecida, e quando consegue se libertar do domínio de Lash, prefere ficar para morrer do que receber ajuda, eis que surge John e a leva para a irmandade, onde ela se recupera e eles iniciam seu romance.

John está desiludido com Tohr e já desistiu do guerreiro, mas não desistirá de Xhex, mesmo que ela relute constantemente aos avanços dele, para ela só importa mesmo a vingança contra Lash, e depois disso sumir no mundo.

Sobre Xhex, tive a impressão que é a personagem mais cabeça dura de toda a série até agora e ponto.

O que gostei mesmo do livro foram as histórias paralelas e o gancho que a autora deixou para o próximo livro.

Para os Amantes da série o livro só vem a complementar o conhecimento sobre a mesma, para quem nunca leu, comece pelo primeiro é a melhor coisa a fazer.


NO Brasil o livro já foi publicado e a Editora disponibilizou os dois primeiros capítulos AQUI.

Como eu só tive acesso a edição em inglês eu fiz a resenha baseado no que eu entendi da história, quando tiver a versão nacional eu falo pra vocês o que achei.

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Se Chegou até aqui que tal comentar?!


Sua opinião é importante, assim sei o que está achando. Além disso, comentários são bem vindos, mas seja educado ;)

- AVISO: O blog NÃO disponibiliza livros para download, e NÃO permite comentários que contenham links para essa finalidade.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...