sábado, 28 de junho de 2014

#CopaDeLivros: Conheça os autores/livros do grupo H



Que tal conhecer os livros dos autores que representem o oitavo e último grupo de seleções que vieram para a copa do mundo? Neste grupo contamos com Bélgica, Argélia, Rússia e Coreia do Sul.


Sobre a #CopaDeLivros: A ideia é apresentar os livros de acordo com os grupos da primeira fase. Conheça dicas de livros de autores cuja nacionalidade seja de um dos países que vieram para a copa do mundo.



Bélgica

Todos os contos de Maigret Simenon (vol. I) - Georges Simenon
Criação do belga Georges Simenon (1903-1989), o inspetor da polícia francesa Jules Maigret surgiu pela primeira vez em 1931, numa série de romances que conquistaram legiões de leitores do mundo inteiro e revolucionaram a literatura policial. Ombreando com Sherlock Holmes, Hercule Poirot e Philip Marlowe pelo título de investigador mais fascinante da ficção, Maigret é o mais humano entre os seus pares. Homem de poucas palavras, corpulento, pesado, deliberadamente vagaroso, que percorre as ruas de Paris e cidades do interior da França com seus indefectíveis sobretudo e cachimbo, ele tem sempre um olhar atento para os dramas que ligam as pessoas. E é lançando mão do seu conhecimento instintivo da natureza humana que Maigret desvenda os mais inexplicáveis e – por que não? – comoventes crimes.



Argélia

Não achei muita coisa sobre autores da Argélia, porém achei está autora chamada Assia Djebar, e vocês podem saber mais AQUI.


Rússia

Crime e Castigo - Fiódor Dostoiévski
Publicado em 1866, Crime e Castigo é a obra mais célebre de Fiódor Dostoiévski. Neste livro, Raskólnikov, um jovem estudante, pobre e desesperado, perambula pelas ruas de São Petesburgo até cometer um crime que tentará justificar por uma teoria: grandes homens, como César e Napoleão, foram assassinos absolvidos pela História. Este ato desencadeia uma narrativa labiríntica que arrasta o leitor por becos, tabernas e pequenos cômodos, povoados de personagens que lutam para preservar sua dignidade contra as várias formas da tirania.


Coreia do Sul

Por favor, cuide da Mamãe - Kyung-sook Shin
Park So-nyo, 69 anos, mãe de cinco filhos, desapareceu. Ao chegar a Seul para visitá-los, saindo de sua aldeia com o marido, com quem é casada há mais de 50 anos, ela é deixada para trás em meio à multidão em uma plataforma da estação de metrô. Como fez a vida toda, ele simplesmente supôs que a esposa o seguia. Essa é a última vez em que Park é vista. Começa então a procura, liderada pelos filhos e o marido, que se transforma em uma exploração emocional repleta de remorso e marcada pela triste descoberta de uma mulher que ninguém nunca conheceu. Narrado pelas vozes de uma filha, de um filho, do marido e da própria mulher desaparecida, Por favor, cuide da Mamãe é, ao mesmo tempo, um retrato da Coreia do Sul contemporânea e uma história universal sobre família e amor.

Um comentário:

  1. Por favor cuide da mamae deve ser um livro extremamente triste... mas ainda tenho vontade de ler. Maigret é amor puro heheh <3 policial feelings

    ResponderExcluir


Se Chegou até aqui que tal comentar?!


Sua opinião é importante, assim sei o que está achando. Além disso, comentários são bem vindos, mas seja educado ;)

- AVISO: O blog NÃO disponibiliza livros para download, e NÃO permite comentários que contenham links para essa finalidade.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...