sexta-feira, 31 de outubro de 2014

[Resenha] Coração de Pedra (Charlie Fletcher)

Primeiro volume da série

O romance ''Coração de Pedra'', do inglês Charlie Fletcher, publicado pela Geração-Ediouro, conta a fascinante história de uma guerra entre estátuas mitológicas e estátuas de seres humanos em Londres. O início de tudo foi um soco de um adolescente, George Chapman, decepando a cabeça de um dragão de pedra do pórtico do Museu de História Natural. Ele é perseguido por um Pterodáctilo, réptil de dentes afiados e pontudos, que se soltou da fachada do museu e o olhava fixamente com ódio e fome. George é salvo pela estátua do Artilheiro do Memorial de Guerra. Somente o jovem enxerga as estátuas em movimento. Para reparar o estrago que aprontou, ele tem de colocar a cabeça do dragão no Coração de Pedra, mas George não sabe onde encontrá-la. Na busca, conta com a ajuda de Edie, uma menina bem decidida. Com linguagem ágil e fácil, a história tem ritmo eletrizante, mas ao mesmo tempo diverte.


Imaginem um livro onde as estátuas de todos os tipos ganham vida, mas apenas você pode ver o que acontece. Agora imaginem que uma guerra está prestes a acontecer e você pode ser uma peça importante, embora não tenha a menor ideia do motivo e que mesmo assim querem você morto. Tudo isso acontece em uma Londres paralela a nossa e serve de pano de fundo para o livro Coração de Pedra.

“No coração de Londres alguma coisa acordou, alguma coisa tão antiga e tão ordinária que as pessoas passaram por ela durante séculos sem nem ao menos dar uma olhadela” p. 46


Tudo começa quando George é injustiçado pelo pior professor da escola durante uma visita ao museu, por conta disso, ele acaba se esgueirando para fora do museu e quebra a cabeça de um pequeno dragão de pedra, o que ele não sabia é que isso daria inicio a uma série de acontecimentos surreais, as demais estátuas ganham vida, mas ninguém parece perceber nada fora do normal além de um garoto de uns 12 anos correndo desesperado pelas ruas de Londres, infelizmente para ele o Pterodáctilo que o persegue é bem real, e para piorar ainda mais as coisas o réptil não é o único que o quer morto, mas nem tudo é tão ruim que não possa ter uma lado positivo, e as estátuas que se parecem com seres humanos estão dispostas a defendê-lo.

“Dizem que nunca se está mais sozinho do que no meio de uma multidão, mas estar sozinho no meio de uma multidão, enquanto se é perseguido por uma coisa monstruosa sem que ninguém perceba, é muito pior p. 39

Com a ajuda do Artilheiro e de Edie (uma fagulha que deixa as estátuas com o pé atrás – e que vocês só vão descobrir o motivo lendo o livro), George deve encontrar com as esfinges e fazer a pergunta que poderá salvar sua vida. Entretanto, essas figuras mitológicas adoram falar em enigmas e a resposta pode não ser o que parece. Sem poder confiar em quase ninguém o garoto se vê em uma guerra que pode arruinar o mundo como conhecemos.

O livro é voltado para o publico mais jovem, por isso sua linguagem é mais simples e alguns leitores podem não gostar muito, porém foi tudo tão bem amarrado e desenvolvido que vale a pena dar uma chance ao livro. Além disso, é um livro super divertido e recheado de ação no qual o leitor se pega tentando desvendar os mistérios junto com os personagens, que foram bem desenvolvidos e agem de acordo com a a idade e com tudo que passaram até o momento.

Outro ponto positivo é que o autor fez uma pesquisa impressionante sobre as estátuas de Londres, e todas as que foram citadas neste livro estão lá em algum ponto. Se você procura um livro de aventura instigante e emocionante, Coração de Pedra foi feito na medida perfeita para você.

Uma coisa legal que a editora fez na capa, é que na parte da estátua a textura é mais áspera e lembra realmente uma pedra :)

Livro: Coração de Pedra
Autor: Charlie Fletcher
Categoria: Romance Juvenil
Formato 14 x 21 cm
Páginas: 464
ISBN: 978.85.6030.210-9
Editora: Geração

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Se Chegou até aqui que tal comentar?!


Sua opinião é importante, assim sei o que está achando. Além disso, comentários são bem vindos, mas seja educado ;)

- AVISO: O blog NÃO disponibiliza livros para download, e NÃO permite comentários que contenham links para essa finalidade.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...