loja Lendo e Escrevendo: Li até a página 20 e... Dez coisas que aprendi sobre o amor (Sarah Butler)

domingo, 2 de agosto de 2015

Li até a página 20 e... Dez coisas que aprendi sobre o amor (Sarah Butler)

Por quase 30 anos, quando a brisa de Londres torna-se mais quente, Daniel caminha pelas margens do Tâmisa e senta-se em um banco. Entre as mãos, tem uma folha de papel e um envelope em que escreve apenas um nome, sempre o mesmo. Ele lista também algumas coisas: os desejos e o que gostaria de falar para sua filha, que ele nunca conheceu. Alice tem 30 anos e sente-se mais feliz longe de casa, sob um céu estrelado, rodeada pela imensidão do horizonte, em vez de segura entre quatro paredes. Londres está cheia de memórias de sua mãe que se fora muito cedo, deixando-a com uma família que ela não parece fazer parte. Agora, Alice está de volta porque seu pai está morrendo. Ela só pode dar-lhe um último adeus. Alice e Daniel parecem não ter nada em comum, exceto o amor pelas estrelas, cores e mirtilos. Mas, acima de tudo, o hábito de fazer listas de dez coisas que os tornam tristes ou felizes. O amor está em todas as partes desta história. Suas consequências também. Sejam boas ou más. Até que ponto uma mentira pode ser melhor do que a verdade?

Recentemente a Editora Novo Conceito enviou aos blogueiros uma degustação de um dos seus próximos lançamentos, Dez coisas que aprendi sobre o amor, a ideia é dar uma opinião inicial sobre o livro, e sobre o que esperamos do restante da leitura.


Até o momento temos dois personagens que se destacam (os principais), que começam a esboçar um pouco do que teremos no restante do livro...

Alice é aventureira e um pouco sonhadora, ela passa boa parte do tempo viajando mundo afora, a impressão que tive da personagem foi de que ela esta fugindo do passado e de si mesma, especialmente por não entender muito bem a relação que tem com a família e o papel que desempenha nela.

Daniel é amargurado pelas escolhas do passado, ele passa boa parte do tempo pensando no que poderia ter sido se tudo fosse diferente, fora isso, e a saúde debilitada não há como saber muito sobre ele... já que passa boa parte pensando em uma pessoa muito especial com a qual perdeu ou nunca teve contato... ele está completamente preso ao passado.

A escrita da autora tem se mostrado fluida e cativante, embora a degustação/prévia do livro tenha poucas páginas já temos uma ideia clara das emoções que estão por vir no decorrer da trama. Além disso, é possível criar teorias do que pode ou não acontecer.

E vocês, quais as dez coisas que aprenderam sobre o amor?

A minha lista é essa aqui:
Dez coisas que aprendi sobre o amor:
1. Nem sempre ele vem de onde esperamos,
2. Ou como esperamos
3. Pode mudar as pessoas de várias maneiras

4. Lista em andamento....

2 comentários:

  1. Que legal, concordo com sua lista em andamento.Nem sempre é como se espera ou imagina.

    ResponderExcluir
  2. ja estou super instigada com essa história, a história de Daniel ja esta me fazendo lágrimas!
    felicidadeemlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir


Se Chegou até aqui que tal comentar?!


Sua opinião é importante, assim sei o que está achando. Além disso, comentários são bem vindos, mas seja educado ;)

- AVISO: O blog NÃO disponibiliza livros para download, e NÃO permite comentários que contenham links para essa finalidade.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...