loja Lendo e Escrevendo: Os Sete Maridos de Evelyn Hugo (Taylor Jenkins Reid) #resenha

quinta-feira, 26 de dezembro de 2019

Os Sete Maridos de Evelyn Hugo (Taylor Jenkins Reid) #resenha


Com todo o esplendor que só a Hollywood do século passado pode oferecer, esta é uma narrativa inesquecível sobre os sacrifícios que fazemos por amor, o perigo dos segredos e o preço da fama.Lendária estrela de Hollywood, Evelyn Hugo sempre esteve sob os holofotes ― seja estrelando uma produção vencedora do Oscar, protagonizando algum escândalo ou aparecendo com um novo marido… pela sétima vez.Agora, prestes a completar oitenta anos e reclusa em seu apartamento no Upper East Side, a famigerada atriz decide contar a própria história ― ou sua “verdadeira história” ―, mas com uma condição: que Monique Grant, jornalista iniciante e até então desconhecida, seja a entrevistadora.Ao embarcar nessa misteriosa empreitada, a jovem repórter começa a se dar conta de que nada é por acaso ― e que suas trajetórias podem estar profunda e irreversivelmente conectadas.

Sete maridos de Evelyn Hugo é definitivamente uma experiência literária para quem quer um livro bem escrito. Taylor Jenkins Reid tem um estilo muito próprio de narrar suas histórias. Evelyn é uma atriz famosíssima de Hollywood que no presente já é uma senhora reclusa.


“Eu era linda, mesmo aos catorze anos. Ah, eu sei que o mundo prefere mulheres que não têm noção do próprio poder, mas estou de saco cheio disso. A verdade é que quando eu passava, as pessoas olhavam. E eu não tinha orgulho nenhum disso. Não fui eu que fiz meu rosto assim. Nem meu corpo. Mas também não vou sentar aqui e dizer: ‘Ai, sério? As pessoas me achavam bonita mesmo?’, como uma garotinha fútil.”

 O plot central é basicamente uma mulher que contrata uma jornalista para escrever sua biografia (o que não é nada de extraordinário) mas as peculiaridades é quando a Evelyn revela querer apenas aquela jornalista em especial.

Monique sabe que acompanhar Evelyn durante a escrita do livro é uma oportunidade inacreditável, mas entender a atriz pode trazer revelações sobre a própria Monique; para quem já leu qualquer livro da Taylor saber que as pessoas que narram as histórias nunca são colocadas como fio condutor da história a toa.

A história nos é contada através dos 7 maridos que Evelyn teve ao longo da vida, passando pelas décadas de 50, 60 e 70 e descobrir sobre os bastidores do cinema em Hollywood é uma viagem perfeita.

"Dá pra ser feliz vivendo sua verdade, seja ela qual for."

Numa história que é aparentemente linear, cada marido faz surgir uma mulher incrivelmente forte, eu tenho certeza absoluta que mesmo que isso trate de uma história fictícia eu sempre vou me lembrar da Evelyn como uma mulher resiliente, esperta e incrível!

Se você procura diversidade cultural, sexual definitivamente essa é a escolha certa de leitura para terminar ou começar o ano com chave de ouro; todas as situações que envolvem a Evelyn ou os personagens secundários são tocantes e complexas exatamente como é nossa vida real. Não tem como pensar em exemplo de atrizes que sabemos que é real, não tem como não questionar as expectativas que criamos em cima de vidas que não temos noção de como são.

“Ah, eu sei que o mundo prefere mulheres que não têm noção do próprio poder, mas estou de saco cheio disso.”

Conhecer os 7 maridos e o grande amor da vida da Evelyn com certeza me tornou uma pessoa melhor, todos os questionamentos que eu levantava durante a leitura eram como mágica respondidos pela narração em seguida numa espécie de mágica e tapa na cara rs a narração te leva a questionamentos que em seguida são desconstruídos!

O livro todo é um HINO, e a Evelyn está longe de ser uma pessoa (digo personagem) perfeita e é exatamente nesse detalhe que mora a perfeição, uma pessoa real, apaixonada pela vida comete erros, comete loucuras, mas viver é bem isso, quando você se pega odiando as escolhas feitas pelo lado egoísta da Evelyn você tem certeza de que faria a mesma coisa nas páginas seguintes.

“Acho que ser quem a gente é – de verdade, e por inteiro – sempre vai exigir nadar contra a corrente.”

 Se eu tenho certeza de alguma coisa é que seja lá o que Taylor Jenkins Reid publicar daqui para frente eu quero ler !!

Os Sete Maridos de Evelyn Hugo
Taylor Jenkins Reid
ISBN-13: 9788584391509
ISBN-10: 8584391509
Ano: 2019
Páginas: 360
Editora: Paralela

Ósculos e Amplexos, Karina.


Karina, biomédica por formação e bookaholic por paixão!* Resenha escrita pela colaboradora Karina Carvalho especialmente para o Lendo e Escrevendo




Um comentário:

  1. Oi, Ká.
    Estou com dois livros da autora aqui na fila de leituras e já percebi que vou começar por esse! Só tenho lido elogios sobre esse livro e estou animadíssima!
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir


Se Chegou até aqui que tal comentar?!


Sua opinião é importante, assim sei o que está achando. Além disso, comentários são bem vindos, mas seja educado ;)

- AVISO: O blog NÃO disponibiliza livros para download, e NÃO permite comentários que contenham links para essa finalidade.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...