Garota, Serpente, Espinho | Melissa Bashardoust | #Resenha

 


Por todo o reino havia histórias sobre uma princesa com o toque amaldiçoado. Para Soraya, escondida de todos a vida inteira e segura apenas dentro de seu golestão, essas histórias são a realidade.

Entretanto, com o casamento de seu irmão gêmeo cada vez mais próximo, Soraya precisa decidir se está disposta a sair das sombras pela primeira vez na vida. De um lado, nas masmorras do palácio, existe um demônio com as respostas que ela busca, uma maneira de se tornar livre. Do outro, está alguém que não teme sua maldição, mas que olha para a princesa com compreensão e curiosidade.

A princesa achou que sabia qual caminho seguir, mas suas escolhas levam a consequências inesperadas. Quando tudo começa a desmoronar, Soraya precisa descobrir quem ela é e o que está se tornando... Humana ou demônio? Princesa ou monstro?

 

Eu adoro livros de fantasia, mas tenho que admitir que tenho desanimado com algumas das novas séries que têm chegado por aqui e que vão aumentando ao infinito e além no número de livros, são trilogias que deixam de ser trilogias, séries um número especifico de volumes que de repente ganham spin-offs, não que sejam ruins, pois não são, mas é ótimo encontrar livros de fantasia bem trabalhados e que possuem começo, meio e fim em um único volume e se você também procura por livros assim, dê uma olhada no catalogo da Literalize, eles possuem ótimos livros de fantasia em volume único ou em duologias, dito isso, vamos ao que eu achei de “Garota, Serpente, Espinho”.

 

“Uma história fascinante sobre família, monstros e as coisas que fazemos por amor.”

S. A. Chakraborty, autora de A Cidade de Bronze

 

Inspirado em histórias persas com um toque de conto de fadas, o livro narra a história de Soraya, é uma princesa com toque amaldiçoado que passou a vida toda escondida do mundo, mas que decide tomar o controle de sua vida de uma vez por todas. Acreditando que uma dev (criatura de grande poder, mas que é considerada um monstro) possui as respostas que ela procura sobre si mesma e uma forma de acabar com a sua m@ldição, ela acaba tomando algumas decisões bem questionáveis e precisará lidar com consequências inimagináveis, se você tentar se colocar no lugar dela verá que talvez tivesse feito as mesmas coisas... ou não... (Se você tem algum conhecimento sobre os X-men, verá similaridades entre Soraya e a Vampira, o que eu gostei bastante).

Cheia de conflitos internos, Soraya passa por um longo caminho de desenvolvimento no livro, considerada por muitos como um monstro, julgada pela própria família, ela também possui seus momentos de péssimas decisões, arrependimentos e muitos sentimentos intensos, definitivamente ela foge do clichê de mocinha que precisa ser salva e se aproxima mais do conceito de anti-herói se colocando em um ponto nebuloso que pende para o bem e para o mal durante toda a leitura.

No meio de todo esse conflito da personagem há o desenvolvimento de um romance fofo responsável por dar um ar mais leve ao livro, e falando nisso, vale a pena citar outros dois personagens que desempenham papéis importantes na trama, Parvaneh (que prova ser completamente diferente do que Soraya esperava encontrar) e Shahmar (alguém que fala, fala e fala, mas que na hora de agir deixa um pouco a desejar... ok, talvez eu esperasse mais dele).

De modo geral, o livro funciona muito bem como um livro único ao mesmo tempo em que tem potencial para um desenvolvimento maior, o que eu não acho que vai acontecer, pois foi bem fechado. Entretanto, admito que alguns pontos poderiam ter sido aprofundados. Além disso, Soraya apresenta um comportamento que fará você duvidar da personagem ao mesmo tempo em que se prende a leitura tentando descobrir o que irá acontecer a seguir.

No mais, “Garota, Serpente, Espinho” é uma ótima leitura com uma mistura de elementos comuns aos livros de fantasia, mas que traz ao leitor novos elementos que se misturam de forma coerente através da escrita fluida e cativante de Melissa Bashardoust.

 

Garota, Serpente, Espinho

Melissa Bashardoust

Editora: Literalize

ISBN-13: 9786599166167

ISBN-10: 6599166164

Ano: 2023

Páginas: 432

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Se Chegou até aqui que tal comentar?!


Sua opinião é importante, assim sei o que está achando. Além disso, comentários são bem vindos, mas seja educado ;)

- AVISO: O blog NÃO disponibiliza livros para download, e NÃO permite comentários que contenham links para essa finalidade.

Bookhalic assumida, seu amor pelos livros me levou a criar o blog Lendo e Escrevendo, há alguns anos. Minha paixão por eles me fez continuar. No blog e redes sociais você encontrará muitas novidades, resenhas, fotos e vídeos sobre o mundo literário.

Procurando algo?

Caixa de Busca

Destaque

Appa, o bisão voador de "Avatar", chegou ao Brasil

A Netflix divulgou ontem (21/02) uma ação promocional para o lançamento da série “ Avatar: O Último Mestre do Ar ”.   O serviço de stre...

Facebook

@pah_lendoescrevendo

Seguidores

Siga no Twitter

@daspaginaspraspanelas

Novidades

newsletter

Skoob

Posts Populares

Tecnologia do Blogger.

Protegido

Protegido