loja Lendo e Escrevendo: [Aconteceu!] Flipop 2018 - 2ª Edição

quinta-feira, 12 de julho de 2018

[Aconteceu!] Flipop 2018 - 2ª Edição








Entre os dias 29 de Junho e 01 de Julho foi realizada em São Paulo a segunda edição da #Flipop, uma feira totalmente voltada para a literatura jovem, inicialmente eu participaria apenas no sábado dia 30/06, mas graças a Camis eu consegui participar dos três dias e aproveitar bastante do evento que contou com muitas novidades.


FLIPOP é o festival de literatura pop totalmente focado nos leitores. Criado pela Editora Seguinte em 2017, em 2018 outras 9 editoras se juntam a nós para fazer a 2ª edição: D'Plácido, Duplo Sentido, Editora Hoo, Globo Alt, Editora Planeta do Brasil, Morro Branco, Plataforma 21, Qualis e Todavia.Graças a esse esforço conjunto, a programação da FLIPOP 2018 contou com 38 convidados e 28 bate-papos e atividades. Teve dicas para quem quer ser escritor, conversas com editores e tradutores, distribuição de brindes exclusivos, mesas sobre fantasia, representatividade, humor, wattpad e muito mais. (Fonte)

Como disse anteriormente, essa segunda edição contou com diversas novidades em comparação com a primeira edição, a primeira novidade ficou por conta do local, saindo do Expo Center Norte e indo para o Centro de Convenções Frei Caneca (próximo à Av. Paulista) o evento se tornou bem mais acessível e facilitou bastante a chegada e acesso dos participantes, além disso, com esse novo local foi possível dispensar as vans de transporte da primeira edição que demoravam bastante. A segunda novidade ficou por conta do preço que aumentou um pouco, dessa vez quem teve interesse em participar desembolsou uma média de R$50,00 por dia ou optou pelo pacote de três dias por R$100,00. O evento que ganhou um dia a mais em sua segunda edição também ganhou o apoio de outras editoras, o que contribuiu bastante para a programação que ganhou mesas mais diversificadas e com mais participantes.

Os painéis ganharam mais destaque nessa edição e temas como “Clichês e modas literárias”, “Livros como profissão”, “O que a fantasia diz sobre o nosso mundo?”, “Os horizontes do YA”, “LGBT+ além do G” atraíram diversos leitores que prestaram atenção a cada detalhe do que foi dito. Além disso, os bate-papos com os autores internacionais Jeff Zentner (dias de despedida) e Morgan Rhodes (a queda dos reinos) lotaram as salas e arrancaram risadas, suspiros e permitiram maior contato e interação com os autores, já a grande surpresa para muitos presentes foi o português com sotaque superfofo do autor Jeff Zentner que morou no Brasil por cerca de 20 anos, caso vocês queiram conferir eu postei vários vídeos feitos no evento lá no igtv no perfil do instagram do blog).



Além disso, o espaço maior e a participação de outras editora no evento possibilitou mais atividades fora dos painéis, por exemplo, a Plataforma 21 disponibilizou em sua mesa marcadores e livros gratuitos para os participantes da #Flipop e em alguns horários específicos foram distribuídas ecobags da editora, a mesa da Editora Seguinte contou com a distribuição de provas antecipadas (em um horários especifico), bem como jogos e brincadeiras, a da Morro Branco contava com um quiz e prêmios como marcadores e bottons, outras editoras disponibilizaram tatuagens temporárias e apresentaram seus livros para quem ainda não conheciam.


Para quem gosta de artigos fofos voltados para a literatura, as mesas do Turista Literário e do Livros e Citações arrancaram suspiros e arrecadaram fãs. Além disso, a possibilidade de comprar coisas super fofas levou muita gente a loucura, eu trouxe para casa três almofadas e uma caneca do Livros e Citações, infelizmente é tudo da minha irmã, mas também comprei dois marcadores magnéticos fofos para a minha coleção de marcadores.

A organização da sessão de autógrafos ganhou um espaço separado e também passou por melhorias o que agilizou todo o processo, entretanto, devido ao grande números de pessoas a fila no sábado foi mais demorada que a de domingo que foi bem tranquila. Outra coisa que chamou bastante minha atenção na #Flipop foi o acesso aos autores, se por um lado a fila foi demorada, por outro tivemos mais liberdade para as fotos (coisa que na bienal deixa muito a desejar).

A #Flipop veio e passou deixando muitas memórias e experiências, nela conheci autores incríveis, assisti à painéis sensacionais, reencontrei amigos e conheci pessoas supertalentosas que ainda irão contribuir e muito para o cenário nacional da literatura. Aprendi bastante nesse evento, tive contato com livros e obras diferentes das que costumo ler, nem preciso dizer que minha lista de desejados aumentou bastante, né?!

E vocês, participaram do evento? Gostaram?

Um comentário:

  1. Pat,
    Adorei a sua cobertura e fico muito feliz que tenha aproveitado os dias "extras" que consegui para você! Amei as suas fotos e fiquei besta com o tanto de coisa que você ganhou! Esse evento parece ter sido ótimo!
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir


Se Chegou até aqui que tal comentar?!


Sua opinião é importante, assim sei o que está achando. Além disso, comentários são bem vindos, mas seja educado ;)

- AVISO: O blog NÃO disponibiliza livros para download, e NÃO permite comentários que contenham links para essa finalidade.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...